Brasil, puxadinho dos Bolsonaro

O ex-presidente da República Fernando Henrique Cardoso comentou, em entrevista ao Estado, que “assistimos ao renascimento de uma família imperial de origem plebeia”. Comentário com destino certo: a família Bolsonaro.

Guilherme Boulos alertara, no primeiro debate das eleições presidenciais de 2018, que Bolsonaro havia transformado a política em negócio de família. Na época, Jair limitou-se a dizer que “tinha moral” para indicar seus filhos às eleições e contar com o apoio popular.

Esse apoio, de fato, não pode ser negado. Jair, Flávio, Eduardo e Carlos elegeram-se com expressivas votações. Todavia, é chocante perceber como eles fazem do Brasil um mero “puxadinho” de suas casas.

Flávio não perdeu chances em procurar o STF para por panos quentes nas investigações envolvendo seu laranja Fabrício Queiroz. Eduardo, tão logo terminaram as eleições, foi bater continência para a bandeira americana – vestindo boné de campanha de Donald Trump e jurando lealdade à outro país.

E Carlos – apelidado de Tonho da Lua em círculos internos do PSL – começou o ano andando de carona no carro da posse. Não satisfeito, decidiu desautorizar um Ministro de Estado publicamente, chamando-o de mentiroso. A situação, como podemos lembrar, foi a primeira crise do governo e derrubou Gustavo Bebianno.

A moral do vereador Carlos é tanta que enquanto o pai está nos EUA combatendo o comunismo, ele vai a Brasília “desenvolver linhas de produção” a pedido do pai.

Nada disso, contudo, incomoda o pai dos pequenos Bolsonaros. Pelo contrário, Jair endossa o comportamento de suas crias, com a mesma empáfia que respondeu a Boulos, na Band.

Mesmo com toda sua sabedoria, FHC se equivoca. Nem a família imperial protagonizou tantos momentos bizarros na política quanto os Bolsonaro.

Pedro Henrique Rodrigues da Silva

Pedro Henrique

Esse silêncio todo me atordoa. Atordoado eu permaneço atento.

Você pode gostar...

Quer falar disso?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: